breaking news

Momentos… Setembro/2010

Setembro 3rd, 2010 | by Odv

Em Casa

Regresso ao trabalho !

Na verdade não se trata tanto de um regresso mas muito mais o retomar a velocidade de cruzeiro.

A nossa expectativa quanto trabalho a desenvolver mantem-se em alta, com mais participantes e reformulando a filosofia de alguns programas.

Procuramos aprender com o passado para fazer melhor no futuro.

Temos novidades nas colaborações, nos programas, nos temas abordados, sempre à volta da espinha dorsal que é Odivelas e o interesse dos odivelenses.

Pelo Concelho

Odivelas foi uma sensaboria durante Agosto.

Não fora a reunião de Câmara falhada por falta de quórum e o Governo Central resolver alterar os pressupostos para as taxas municipais e nada teria acontecido que merecesse uma linha de publicação.

Nem mesmo o desespero do OFC conseguiu animar o noticiário concelhio.

A rentré trará novidades ?

Assim se fala… Assim se espera…

Pelo País

E Portugal ?

Pobre País, a arder sem dirigentes, sem pensadores, sem elites, é o desgoverno mantido no abismo, cada dia mais fundo, da falta de sentido de estado por parte de todos os que… da lei da mediania económica se vão libertando.

Acabámos na SIC uma reportagem acerca das compras de material militar, para todos os ramos das forças armadas (helicópteros, submarinos, carros de combate/assalto, pistolas…), negócios contratados por ministros bem falantes e maus governantes que vamos elegendo para “desgovernos” sucessivos.

As histórias à volta das contra-partidas, das não manutenções contratadas, dos muitos milhões de escudos/euros que desapareceram sem rasto deveriam envergonhar todo o país.

Porque será que em todas as trafulhices aparecem políticos ?

No ativo ou na retaguarda, mas sempre, sempre presentes.

Agora é a herança Tomé Feteira… mais uma história suja para advogados e juízes se entreterem a brincar à justiça para… português ver (e acreditar !).

Também da RTP1 retiramos a entrevista de Joaquim de Almeida a Teresa de Sousa.

È o dedo na ferida !

Oiço, oiço… e tenho vergonha.

È a futebolização nacionalizada.

Pelo Mundo

Estamos face a uma tentativa, mais uma, de encontro entre judeus e árabes.

Mais uma conversa de surdos… e maus ou a tentativa de ligar dois extremismos fundamentalistas.

Mais uma vez não dará em nada, o que não significa que não valha a pena.

Algum dia será.

Entretanto a visita de Ratzinger a Inglaterra é antecipada de movimentações literárias curiosíssimas.

Ver para crer, contado ninguém acredita.

Em África arrancaram algumas grandes explosões que se têm mantido em “banho maria” ao longo de anos e de fugas para a frente.

África do Sul, após a fantasia  do futebol a realidade da vida, Moçambique, durante tanto tempo apontado como exemplo de desenvolvimento em África.

Os castelos de areia continuam a não resistir muito tempo e o rei ainda não se vestiu.

Odivelas, Agosto/Setembro/2009

* Este Texto foi escrito ao abrigo do novo acordo ortográfico

Comments are closed.