breaking news

GERAÇÃO de 50 e de 60 em CANEÇAS : Uma reunião de afectos, de amizades e de orgulho dos filhos da terra….

Junho 14th, 2011 | by Odv

Caneças sempre teve a sua identidade própria. Na história dos tempos, nunca renegou a ligação histórica às lavadeiras, às hortas, à água cristalina das sua fontes, aos bons ares e aos viveiros.

Tudo isso foi sempre transportado para Lisboa pela Arboricultora, empresa de camionagem liderada pelo saudoso Paisana, nem sempre reconhecido devidamente por este Concelho, que se iniciou na área dos transportes ainda no tempo da “carroça”, o que lhe valeu, não só a ele, mas também a todos os que com ele trabalharam, uma vida de luta e de navegação contra a maré, sempre com a aposta feita nas virtudes do trabalho e da capacidade humana para fazer a sua terra conhecida em tudo o que fosse sítio.

Anos depois, reviveu-se o orgulho caneçense. Casa cheia na Sociedade Musical e Desportiva de Caneças, que tão bons serviços tem prestado à vila, onde foram recordados alguns e abraçados outros, todos filhos da terra. Amigos que cresceram juntos e em alguns casos há muitos anos não se viam…Porque além do mais, são homens e mulheres de bem, que se orgulham da sua terra e fazem muito bem por isso.

O repórter não pode ser opinativo, mas não sendo de Caneças, embora tenha vivido com alguns de vós, momentos importantes da minha vida, meus amigos, obrigado pelo prazer de vos poder rever e pela vitalidade da iniciativa.

Numa altura em que se fala tanto de “geração rasca”, ou de “geração à rasca”, olhem bem para esta geração de sonhos largos em terra de parcos recursos, onde pelo trabalho, pelo esforço e pelo mérito, se coloriu o futuro.

 

Luis Filipe Silva

 

Comments are closed.