breaking news

“Poder Local” – Odivelas, O Debate Político. 23/Novembro, Marco Pina, Oliveira Dias e Xara-Brasil

Novembro 23rd, 2012 | by Antonio Tavares

Odivelas – Programa “Poder Local” na TVL

Tema Livre:

Miguel Xara-Brasil – Morte do motociclista Luís Carreira, o Furacão e o espirito de solidariedade, Portugal Campeão sub-20 Hóquei Em Patins, Félix da Costa venceu GP F3 Macau, Paulo Aido apresentou novo livro “Fotobiografia da Irmã Lúcia” na Igreja da Ramada.

Marco Pina – Os convites a título pessoal e em representação dos Partidos. A VI Avaliação da Troika, Estímulos e Recuperação Económica, reduzir o IRC (10%).

Oliveira Dias – A disponibilidade dos Partidos para estarem presentes, nomeadamente do PS de Odivelas. A cerimónia de homenagem à Comissão Instaladora. A data de aniversário do Município de Odivelas é em 14 de Dezembro. A metade da Comissão Instaladora que não aceitou ser homenageada. A Comissão Instaladora fez aquilo a que estava obrigada a fazer.

Temas Principais:

18’15’’ Miguel Xara-Brasil – O caso da D. Adélia há 13 anos para se resolver. O Plano de Ajuda aos Municípios e o facto da Câmara de Odivelas não ter recorrido a esse financiamento para pagamento aos Fornecedores. Oportunidade Perdida para se porem em dia os pagamentos aos Fornecedores. Não gostam de ser controlados.

24’10’’ Marco Pina – O caso da D. Adélia, as duas versões, existem alguns diferendos, a Senhora tinha que ser ressarcida dos prejuízos que sofreu. A Moral.

31’16’’ Oliveira Dias – O Município de Odivelas e os Órgãos da Pessoa Jurídica. Subscrevo que o Munícipe deve ser indemnizado. A necessidade da existência do Provedor Municipal. Os 13 anos é muito tempo para qualquer coisa. O Plano de Ajuda e os 89 Municípios contemplados. A ajuda inocente e os limites. (Marco Pina: o Acordo não obrigava a mexer nas Taxas no caso de Odivelas). As dúvidas.

39’00’’ O Plano de Ajuda e a opção política do Município de Odivelas

40’40’’ O Plano de Ajuda tem regras. A Câmara de Odivelas não concorreu. Fornecedores com prazo de pagamento acima de 180 dias… Se quiser considerar uma pessoa de bem… Desta opção politica têm responsabilidade ambos (PS + PSD). A partir deste ano as Avenças não vão a reunião de Câmara.

44’15’’ Marco Pina – Boletim de Deliberações está lá o processo com as Avenças do PSD.

45’23’’ Xara-Brasil – A opção Política é dos dois (PSD+PS).

46’05’’ Marco Pina – Projetos Especiais. Propostas dos Vereadores. A senhora Presidente entendeu não recorrer a este Plano de Ajuda.

48’10’’ Xara-Brasil – A senhora Presidente já disse que não quer recorrer ao Plano de Ajuda. Este assunto foi abordado em Assembleia Municipal.

48’ 50’’ Marco Pina – Esse pelouro não é do PSD. Cada ponto da reunião de Câmara é proposto pelo respetivo Vereador responsável.

49’35’’ Xara-Brasil – Eu não acredito que os assuntoa que vão a reunião de Câmara (não sejam discutidos de uma forma colegial).

50’00’’ Marco Pina – As reuniões preparatórias das reuniões de Câmara.

50’35’’ Xara-Brasil – Eu não posso acreditar que não haja uma estratégia comum para discutir os destinos do Município. Os assuntos estratégicos. Os Fornecedores e cada um dos Vereadores quando a Câmara não paga.

53’06’’ Oliveira Dias – Alguém com responsabilidades achou que não era vantajoso este Plano. Eu se fosse Deputado Municipal não aceitaria essa não-resposta (da senhora Presidente) de que eramos mais controlados.

54’12’’ Marco Pina – Eu sei porque ouvi que houve alguém que levantou essa questão e esse alguém acho que está aqui ao meu lado, e que houve uma Deputada Municipal do PS (Susana Guerreiro) que na sua intervenção foi por os pés pelas mãos porque estava a fazer crer que essa situação não fazia qualquer sentido porque iria obrigar o Município a que tivesse que mexer num conjunto de situações (As Taxas).  Luís Salmonete foi esclarecer na altura que não se tratava da forma porque o que Susana Guerreiro referiu estava desenquadrado da realidade que o Município vive e tem neste momento.

55’ 22’’ Oliveira Dias – O que o Xara-Brasil está a dizer ao Marco tem toda a razão de ser.

55’40’’ Marco Pina – A distorção dos factos. Quando uma pessoa não quer que um mecanismo seja usado não vai pô-lo numa ordem de trabalhos de uma reunião de Câmara. Susana Guerreiro e Luís Salmonete.

57’30’’ Marco Pina – A Estufa em Famões e o Jardim Botânico. O trabalho do Vereador Carlos Bodião. O Parque das Rolas. Ribeirada. Jardim da Arroja. O Canil (O Parque dos Bichos) um modelo de referência.

1h4’57’’ Oliveira Dias – O Jardim Botânico em Famões. O trabalho do Vereador Carlos Bodião. O papel das Freguesias. O Moinho da Lauriana. O Moinho da Ramada.

1h10’45’’ Xara-Brasil – Descobrir o Concelho. As obras do Vereador Carlos Bodião. Jardim da Ribeirada, Jardim da Música. O canteiro inaugurado em Lisboa. A oferta dos carros da polícia. O Canil foi mal construído. Não havia dinheiro para pagar aos vigilantes. Os cães e as pessoas. (Marco Pina contrapõe). O Canil é de luxo. O Jardim Botânico fazia sentido ali. Uma piscina a custo Zero que não custa nada à Câmara. O Centro de Exposições de Odivelas não se utiliza. O Jardim da Música não toca – Marco Pina.

1h23’10’’ Marco Pina – A Vertente Sul e o que aconteceu no Algarve (furacão) – Uma catástrofe.

1h26’05’’ Oliveira Dias – O Jardim Botânico, a localização. Os terrenos do Moinho da Lauriana e a permuta do proprietário. As zonas de cedência das Augi. (Os valores que Paulo César quantificou – Xara-Brasil). Os sismos potenciais. Os Licenciamentos e a responsabilidade da Câmara. Proteção Civil e um possível abanão em Odivelas.

 

Comments are closed.