breaking news

Odivelas – Os Contadores de Histórias Urbanas

Junho 22nd, 2014 | by Antonio Tavares

Em Odivelas, diz o deputado municipal Luís Salmonete, há dezenas de “histórias”, de que ele tem conhecimento, relacionadas com o urbanismo e os licenciamentos municipais.LuisSalmoneteManTripas

Nesta última sessão da Assembleia Municipal do passado dia 19 de Junho, Luís Salmonete decidiu, numa das suas intervenções, contar uma das suas “histórias” referente aquele terreno enorme por trás da CATUS e em frente dos prédios da Hotelcar onde o falecido proprietário “Manuel das Tripas” tinha uma enorme vivenda, a fábrica das tripas e ainda um picadeiro para os seus cavalos com os quais aliás por esses anos, passeava em Odivelas.

Porque a história põe em causa a honestidade de alguns políticos da nossa terra, convirá salientar que a Presidente Susana Amador interpelou diretamente o Deputado Luís Salmonete se o caso se tinha passado durante algum dos seus mandatos (2005-2014) ao que Luís Salmonete respondeu que não. Portanto a “história” reporta-se a altura anterior aos mandatos da Presidente Susana Amador. Aliás a morte do dito senhor foi anterior.

À história de Luís Salmonete veio o deputado Ilidio Ferreira acrescentar 5 casos que se encontram em segredo de justiça e sobre os quais, por esse facto, não podemos acrescentar informação. Fica apenas a nota que a CDU diz ter cinco processos entregues sobre estas matérias do urbanismo os quais não estão arquivados e por isso supomos que virão a público brevemente. A somar a tudo isto, dois casos de acusação de corrupção denunciados em sessões públicas de câmara (dos quais temos imagens) que correm os seus trâmites legais e, dos respetivos inquéritos internos solicitados ao Vereador do pelouro não nos foi dado conhecimento.

Nota final para o facto da Presidente Susana Amador não ter gostado que se colocasse em causa a honestidade da classe política em Odivelas mas, sobre o que foi dito pela Presidente e por outros, nesta atribulada sessão da Assembleia Municipal voltaremos mais tarde com outras imagens até porque às vezes nem a verdade das imagens é suficiente para alguns deputados.

António Tavares

Comments are closed.