breaking news

O Crime da Margem Sul – Albergue da Toxa Apunhalado pelas Costas

Novembro 11th, 2016 | by Antonio Tavares

Fomos apunhaladas pelas costas. Depois de nos mandarem colocar chips e vacinar os animais entraram, dia 9, às 7h00 da manhã   e levaram-nos os animais todos e fizeram-se passar por heróis na comunicação social!

https://www.publico.pt/sociedade/noticia/gnr-resgatou-37-animais-de-uma-casa-vitimas-maustratos-e-abandono-1750698

Direito de resposta ao Jornal PUBLICO

Venho por este meio dar resposta, como de direito, à reportagem feita no vosso jornal no passado dia 10/11 sobre o suposto “resgate” de 37 animais suspeitos de maus tratos.

*1-  Os animais não eram vitimas de maus tratos. Não estavam nas condições mais adequadas, é certo,mas não por vontade da associação e sim por falta de apoios que mal davam para pagar a renda e ração, quanto mais para grandes reformas!

*2- Os animais eram acompanhados por veterinários, que também os vacinaram e chiparam quando isso foi exigido pelo veterinário municipal e SEPNA. Estes mesmos animais estão também desparasitados interna e externamente.

Desdobra-mo-nos entre os nossos trabalhos, o tratamento dos animais, peditórios para que nunca lhes faltar comida e ainda tentar arranjar um pouco de tempo para a família.

Seria cómico, se não fosse tão traumatizante para os animais em questão e na cabeça dos quais pesa este sofrimento, o quanto as autoridades se vangloriam sobre o trabalho prestado.

Numa zona de tão alto risco, onde “criadeiros” de fundos de quintal proliferam sob as barbas das mesmas autoridades, onde caçadores amontoam animais nos fundos dos quintais e há, inclusivamente “espectáculos” de lutas com cães, sejam os principais alvos das buscas e apreensões todos aqueles que nada têm a ganhas e muito tenham a perder em favor da causa animal.

Não me refiro só a esta associação mas de todos os que estão no meio e sabem bem o que se passa na realidade. Que associação sem fins lucrativos tem todas as condições exigidas pela DGAV, para receber as centenas de animais que todos os anos são abandonados no nosso distrito?

0 ( ZERO )

Poucos são os municípios no nosso país que apoiam as associações locais,.

Quantos municípios no nosso país esterilizam animais de rua?

Nesta zona em causa ( Barreiro, Montijo Setúbal ) não conheço veterinário algum que o faça.

Sabem quantos animais foram esterilizados à nossa custa desde 2009?

Mais de 250!

Se juntarmos todas associações só do distrito de Setúbal, são muitos milhares de animais que deixaram de procriar nas ruas!

Sabem quantos animais tirámos das ruas, levámos a esterilizar e encaminhámos para adopção?

Mais de 350! ( os cachorros e gatinhos são esterilizados mais tarde ! E somos uma das Associações mais recentes e mais pequena deste distrito!

Tivemos a nosso cuidado, 20 Canne Corso’s em misero estado pertencentes a um “criadeiro”. Animais magríssimos, alguns com sarna e tumores subcutâneo espalhados pelo corpo. Todos sem a mínima socialização.  Onde estavam as autoridades competentes que nada fizeram?. O que é que aconteceu a este “criadeiro”? NADA!

Estrada dos Barris, Palmela: Animais a passar fome, magrérrimos, cobertos de sarna, a procriar e a amamentar. Esta Associação tomou conhecimento. Fomos verificar. Apesar dos poucos recursos, deixamos 1 das sacas de ração acabada de comprar para os nossos. Havia restos mortais de cavalos espalhados na quinta. Nós e muitas outras associações que lá foram denunciamos este caso.

O que fizeram as autoridades competentes? NADA!

E estes são apenas alguns exemplos,

Na hora de largar o “peso” dos animais que incomodam nas ruas ou que “atrapalham” as férias são as Associações que são lembradas. As mesmas associações que são acusadas de maus tratos,sem condições e que não prestam para nada! Associações que vêem ordem de despejo pelos senhorios sem consciência,

Associações sem qualquer apoio. Nenhum destes concelho quer associações nos seus terrenos. ( Eu ouvi isto da boca de um vereador  )

Protectores idosos que são obrigados a mudarem-se para zonas desertas para poderem ajudar quem menos apoios tem neste país – os Animais abandonados

O Ministério Publico tem o Poder de nos tirar os animais baseados numa(s) denuncia(s) anónima(s), mas o Estado não tem o dever de apoiar/subsidiar os mesmos

ABRAM OS OLHOS!

ISTO NÃO É UMA BOA ACÇÃO!

As Associações  estão sobre-lotadas!

Dentro de 2 anos, a lei contra o abate entra em vigor e não haverá espaço para todos os animais abandonados nos canis municipais (a maioria tem capacidade para 30 animais). Onde acham que os vão enfiar? Nas Associações que terão de estar vazias para os receber.

Se a intenção fosse realmente boa, começavam por investigar e perseguir os “criadeiros” que ganham horrores vendendo cachorros subnutridos nos sites de classificados. ( OLX , CUSTO JUSTO, etc, )

Cristina Cardoso

Agora precisamos encontrar um terreno com viabilidade para a construção de raiz de um canil que cumpra as exigências da DGAV. De preferência no Barreiro ou perto de uma estação de comboio .

E publicitar que, alem de precisarmos de um terreno (100x50m), precisamos muito de doações de material de construção para a construção do canil. O rascunho já fiz e temos um arquitecto que se ofereceu para fazer o projeto como deve ser depois de ver o terreno.

Comments are closed.